3 de ago de 2011

Aleister Crowley

1º parte
Uma das figuras mais misteriosas, revolucionárias e contraditórias do século XX...

...Além disso, é também um dos nomes de maior influência no rock, tanto psicodélico como de qualquer outro subgênero, em especial o Heavy Metal.

Quais seriam as razões para esta influência tão grande? 

Provavelmente a divulgação de uma filosofia revolucionária e um estilo de vida que antecipou em muitos anos as comunidades alternativas e os excessos dos rockstars.



Crowley nasceu na Inglaterra, em 1875, filho de um pastor fanático e de uma mãe rígida, o que pode ter sido um dos ingredientes que formou sua personalidade rebelde e ousada.


auto retrato - desenho

Educado em Cambridge, foi um homem de muita inspiração e talento. Escreveu poesia, foi pintor Simbolista, alpinista e jogador de xadrez. Mas o talento que o tornou mais notório foi o de Ocultista.


Auto Retrato - 1920


Após ter iniciado suas práticas mágicas em diversas Ordens como a Golden Dawn (Ordem Hermética da Aurora Dourada), passa por uma experiencia pessoal que traria a tona uma filosofia revolucionária:  a Thelema.

Pintura de Crowley (c.1920), em recente exposição na França


Essa experiencia teve lugar no Cairo, Egito, no ano de 1904, onde estava de lua de mel com sua esposa, Rose Kelly.


Aleister Crowley, sua esposa Rose e sua primeira filha Nuit


Após estranhos acontecimentos, Crowley detecta que sua esposa (que não entedia muita cosia de ocultismo), estava em estado de transe e falava em nome de Horus.


Rose Kelly


Horus, através de sua esposa, teria lhe ditado os procedimentos para a realização de um ritual. Seguindo as orientações, Crowley entra em transe por três dias seguidos e toma conhecimento de uma entidade chamada Aiwass.


O Livro da Lei


Nesses dias de transe, exatamente no mesmo horário ele ouvia uma voz que se dirigia a seu ouvido esquerdo. 

Essa voz (Aiwass, que Crowley disse ser o seu Sagrado Anjo Guardião), lhe ditou o Livro da Lei, que é composto de três capítulos, cada um escrito em um dia, numa estrutura 
de versículos.


Horus - o deus com cabeça de falcão


O Livro da Lei é regido por um único mandamento fundamental,sem necessidade de nenhum outro: 
Faze o que tu queres, há de ser o todo da Lei.


o famoso Olho de Horus


Esse Faze o que tu queres não significa fazer qualquer coisa, mas sim aquilo que é ditado pela Verdadeira Vontade.


Raul Seixas é o maior divulgador de Crowley no Brasil


A verdadeira Vontade não é um capricho, nem um desejo qualquer, hedonista pura e simplesmente. A Verdadeira Vontade é a descoberta do sentido da vida do indivíduo.

A sociedade Alternativa foi baseada na Thelema.
Seu simbolo é uma chave egípcia.
O Egito foi muito influente nos escritos de Crowley


E uma vez descoberto o sentido da sua existência particular, a pessoa deve agir conforme ele, daí o Faze o que tu queres. É preciso saber o que se quer.

Cartaz de um peça chamada O Equinócio dos Deuses,
baseada em um livro de Crowley


A verdadeira Vontade é uma descoberta profunda, que eleva a consciência da pessoa. Ela passa a ser una com o universo, pois reflete em sua própria vontade, a vontade do universo, que é plural.


o hexagrama unicursal -
um dos símbolos de Thelema

A vontade do Universo ser plural significa que cada pessoa possui um objetivo na vida, que é único. Podem haver objetivos similares, mas nunca iguais.



O universo é o todo harmonioso das partes e se move junto com as partes. Por isso, a vontade de cada ser representa, em menor escala, a vontade do todo.



A busca da Verdadeira Vontade nunca interfere na busca da verdadeira vontade alheia. Por serem únicas, todas devem se realizar

Frontispício de uma das primeiras edições do Livro da Lei


Quando há interferência na busca de alguém, não se está seguindo a lei fundamental, pois assim há o impedimento de que o outro também alcance a realização de si.


Pintura de Aleister Crowley, em exposição recente na França

O livro da lei também conta com um versículo que diz Todo homem e toda mulher é uma estrela. Esta afirmação é sem precedentes num contexto religioso, dentro da sociedade patriarcal.


idem (c.1920)


Isso porque não faz distinção de gênero, assim como não há nenhum outro tipo de exclusão. Todo ser humano é importante.

Jovem e barbado

O Livro da Lei também é conhecido por outro nome, dado por Crowley, que é Thelema. Esta é uma palavra grega que significa vontade.




Fontes
Youtube.com
Morte súbita .org - Cinco razões do porque Aleister Crowley continua relevante.
Wikipédia (biografia) - a fonte mais séria que encontrei sobre Crowley. É difícil encontrar textos bons sobre ele. 
Palais de Tokyo - galeria francesa onde ocorreu recente mostra dos trabalhos de Crowley, em 2008
Dangerous Mind - em inglês. 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Web Analytics